Protesto na Internet propõe boicote à TV Globo nesta quarta

Posted on 25/01/2012

0


Uma campanha veiculada pela Internet pede que a população não assista a programação da TV Globo nesta quarta-feira (25). O protesto propõe o fim dos programas de baixaria e de má qualidade como o Big Brother Brasil, veiculado pela emissora. A campanha "Dia 25 de janeiro: dia sem Globo" surgiu após uma participante do Big Brother ter sido supostamente estuprada por um outro integrante do programa, que foi afastado após milhares de protestos nas redes sociais que pediam a sua prisão.

Protesto na Internet propõe boicote à TV Globo nesta quarta

Cartaz da campanha

O comunicado que está sendo divulgado em massa nas redes sociais diz que “A Rede Globo de Televisão está achando que pode comandar não somente o futebol, como a sua mente. Então vamos mostrar nosso poder como cidadão, concordando de não assistir sua programação no dia 25 de janeiro.(…) Nada de jornal Nacional, BBB 12, novelas e outros”.
A Polícia do Rio de Janeiro instaurou inquérito para apurar o ocorrido. A polícia possui um vídeo de sete minutos de duração com a participante Monique, aparentemente desacordada após beber muito, sendo assediada por Daniel. "Precisamos ter tudo em mãos para analisar as imagens e tentar entender o que de fato aconteceu", afirmou o delegado Antonio Ricardo.
O caso aconteceu quando Monique e Daniel foram para o quarto depois de uma festa. Enquanto a participante aparentemente dormia profundamente, Daniel lhe ofereceu algumas carícias. No entanto, os assinantes do pay per view do programa alegam que Monique estava "apagada" e não reagia. Sendo assim, Daniel estaria abusando sexualmente da moça.
De Brasília
Com agências

Extraído do portal Vermelho – ultima atualização em 25/01/2012

Anúncios