EUA retomam ataques aéreos no Paquistão e matam 4 pessoas

Posted on 11/01/2012

0


Pelo menos quatro pessoas morreram na noite desta terça-feira (10/10) no primeiro ataque de um avião espião americano no Paquistão desde 17 de novembro, informaram fontes de segurança.

O bombardeio do avião não-tripulado aconteceu no reduto talibã do Waziristão do Norte, na fronteira com o Afeganistão, segundo as fontes citadas pela emissora Khyber.

Entre as vítimas do ataque, realizado durante a madrugada, há três árabes.

Washington deteve de forma provisória sua campanha de ataques com aviões espiões depois do bombardeio com helicópteros da OTAN (Organização do Tratado do Atlântico Norte) que matou 24 soldados paquistaneses em 26 de novembro.

O episódio, ocorrido em uma zona tribal paquistanesa limítrofe com o Afeganistão, enfureceu as autoridades do Paquistão, que como represália fecharam a fronteira aos caminhões da OTAN e boicotaram uma cúpula sobre o futuro do país vizinho.

Os EUA, que não admitem publicamente os ataques dos chamados ‘drones’, decidiram suspender seus frequentes bombardeios contra células insurgentes e da rede terrorista Al Qaeda na fronteira para aplacar os ânimos paquistaneses.

Nos últimos dias, no entanto, oficiais americanos já haviam indicado à imprensa de seu país que a ausência dos ataques estava fortalecendo os insurgentes, o que fazia prever que estes seriam retomados em breve.

Extraído do portal Opera Mundi – ultima atualização em 11/01/2012

Anúncios